quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Perto do novo...

Estou contando os dias para o nascimento da Antônia. Sou persistente e resistente a dores, mas já não posso suportar as limitações do meu corpo. Sentar no chão com o João para brincar, dar banho de banheira, pegar no colo, correr e fazer cosquinha... Ele, atento e esperto, me percebe a cada dia mais cansada, me vendo deitada a toda hora, fica arredio e me arrisco dizer que algumas vezes se afasta para não ver essa nova mamãe. Nâo consigo parar de pensar que os dias estão contados, que em breve estarei ainda mais limitada por novas dores da cirurgia, absorta em conchas de amamentação, fraldas de cocô amarelo ouro e um novo chorinho baixo e rouco.
Eu e o Pedro estaremos ainda mais distantes de um passado em que éramos só um do outro, e próximos de uma vida dedicada principalmente aos filhos.. Estes pensamentos me perseguem e trazem a solidão vazia que nunca tive antes. Um silêncio progressivo que traz medo e dúvida. Eu também posso ter dúvidas. Eu também posso não ser forte o tempo todo. Além de mãe do João e da Antônia eu também continuo sendo, Beatriz.

Um comentário:

Carol e Ma disse...

Bia, vc não me conhece, mas leio seu blog desde que o conheci no blog da Nanda e do Davi...mas do fundo do meu coração te desejo muuuuita força, você é lindaa, sua família é linda!
Força na subida que logo, logo, a Antônia tá correndo por aí, independente e graciosa como o João!! Feliz 2010!